6 Curiosidades de Natal que você não sabia!

No dia 25 de dezembro comemoramos o Natal. Como tradição cultural, este feriado é celebrado de diferentes maneiras ao redor do mundo, dependendo da região ou mesmo da religião. 

Para saber um pouco mais sobre esta celebração, aqui estão 6 fatos interessantes sobre a história do Natal. Também temos um arsenal de frases e mensagens sobre essa época natalina em nossos sites.

O Natal, apesar do consumismo ao qual foi reduzido em muitos lugares, é capaz de realizar verdadeiros “milagres”. Aprenda sobre a história dos soldados inimigos que chamaram uma trégua no dia de Natal durante a Primeira Guerra Mundial.

– Na Europa, as pessoas costumavam deixar as portas de suas casas abertas durante a noite para que os viajantes e os pobres pudessem participar do jantar de Natal. Hoje, a refeição é um momento de companheirismo entre amigos e parentes. No Brasil, o prato mais tradicional é o peru assado.

– A introdução da missa da meia-noite é atribuída a São Francisco de Assis, que instalou o primeiro presépio na cidade italiana de Greccio em 1224. Enquanto os galos se aglomeravam nas primeiras horas da manhã, o povo deu a esta celebração o nome de Missa da Meia-Noite.

– Diz a lenda que foi um galo que anunciou o nascimento de Cristo. O animal se aglomerou exatamente à meia-noite do dia 24 de dezembro, dia e hora em que a criança nasceu. Em Portugal, Espanha e Brasil, era costume trazer um galo para a massa. Se ele se aglomerou, foi um bom presságio para o ano seguinte.

– A Noite Silenciosa do Cenáculo nasceu na Áustria em 1818. O Pastor Joseph Mohr se propôs a encontrar um instrumento que pudesse substituir o antigo órgão da igreja. Em suas caminhadas, ele começou a imaginar como teria sido a noite de Belém, tomou notas e procurou o músico Franz Gruber para compor a melodia.

– A versão brasileira da canção também foi escrita por um religioso: Frater Pedro Sinzig. Ele também nasceu na Áustria em 1876 e se estabeleceu na cidade de Salvador da Bahia em 1893. O frade tornou-se cidadão brasileiro em 1898 e se distinguiu como um grande promotor da música religiosa no país.

– A maioria das versões da origem da árvore de Natal cita a Alemanha como o país de origem. A versão mais difundida atribui a novidade ao pastor Martinho Lutero. Ele colocou um abeto decorado com velas em sua casa para mostrar às crianças como deve ser o céu na noite do nascimento de Cristo.

Compartilhe nosso artigo com seus melhores amigos que querem saber tudo sobre o Natal.

Sair da versão mobile